Cônsul Honorário de Ribeirão Preto, Rudolf Schallenmüller, é condecorado com a Cruz de Cavaleiro da Ordem do Mérito

. Ampliar imagem (© Deutscher Honorarkonsul in Ribeirão Preto) No dia 10 de dezembro de 2014, o Cônsul Geral da República Federal da Alemanha em São Paulo entregou a Cruz de Cavaleiro da Ordem do Mérito, concedida pelo Presidente da República Federal da Alemanha Joachim Gauck, ao Cônsul Honorário de Ribeirão Preto, Rudolf Schallenmüller.

. Ampliar imagem (© deutscher Honorarkonsul in Ribeirão Preto )

Em um discurso solene o Cônsul Geral Friedrich Däuble colocou em evidência, diante de convidados e de representantes da imprensa, a grande contribuição do Sr. Schallenmüller, desde 1987 para os interesses da República Federal da Alemanha e as relações alemão-brasileiras em sua área de jurisdição.

Leia aqui o discurso do Cônsul Geral Friedrich Däuble por ocasião da condecoração do Cônsul Honorário Rudolf Schallenmüller em Reibeirão Preto com a Cruz de Cavaleiro da Ordem do Mérito:

Prezado Cônsul Honorário Schallenmüller,

Prezadas Senhoras e Senhores,

Queridos convidados,

. Ampliar imagem (© GK São Paulo)

Dezesseis anos é bastante tempo, especialmente para nós diplomatas, pois contamos com períodos de permanência de três anos: assim podemos ver muito do mundo, mas também temos um ritmo de vida muito acelerado. Sempre que nos acostumamos a um lugar e nos sentimos verdadeiramente em casa, temos de seguir. O senhor, prezado Sr. Schallenmüller, encontrou o seu lar há muito tempo aqui na bonita cidade de Ribeirão Preto. E, há dezesseis anos, o senhor representa, como Cônsul Honorário aqui nesta cidade, a República Federal da Alemanha.

Por isso, quero agradecer-lhe em nome da República Federal da Alemanha. A boa notícia é que dispomos de uma forma bastante especial de agradecer a méritos excepcionais: a Cruz de Cavaleiro da Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha, com a qual condecorarei o senhor hoje.

Estou muito satisfeito em poder unir essa condecoração com uma viagem de trabalho aqui para a maravilhosa cidade de Ribeirão Preto. Ao senhor, transmito novamente meus profundos agradecimentos pelo convite! É um assunto muito importante para mim e para o Ministério Federal das Relações Externas, estreitar os laços com os nossos Cônsules Honorários o máximo possível. Penso que deixamos isso claro na Conferência Consular que realizamos em novembro no Consulado Geral da Alemanha em São Paulo e na qual pudemos realizar uma frutífera troca de informações sobre a nossa cooperação com os Cônsules Honorários, entre eles naturalmente também com o senhor, Sr. Schallenmüller.

"Os servidores consulares honorários apoiam, de diversas maneiras, nossas representações diplomáticas e consulares no exterior na manutenção das relações com o país anfitrião." Assim consta em alemão oficial na instrução do Ministério Federal das Relações Externas. O senhor, caro Sr. Schallenmüller, dá vida a essas palavras há 16 anos, nos quais o senhor não apenas assumiu funções consulares, mas também se engajou simultaneamente pela língua e cultura alemã em sua área de atuação.

Isso provavelmente não teria acontecido se o senhor não tivesse decidido em 1978, após ter terminado a sua formação e estágio para professor, emigrar para o Brasil com sua esposa brasileira. Primeiramente, o senhor lecionou aqui para os filhos dos funcionários alemães da empresa ABB. Nesse mesmo tempo, o senhor também fundou o seu instituto de línguas IEBA, que transmite aos estudantes brasileiros aqui no centro-norte do estado de São Paulo, não só a língua, mas também a cultura alemã. O senhor executa essa tarefa em estreita e excelente cooperação com o Instituto Goethe de São Paulo.

A partir de 1987, o senhor se prontificou a atuar na região como pessoa de confiança do Consulado Geral da Alemanha. Em 1998, o senhor foi nomeado ao serviço público como Cônsul Honorário. Nesta função, o senhor engajou-se muito, além das funções puramente consulares, à cooperação entre as universidades, ao aconselhamento sobre bolsas do DAAD e - em cooperação com o Goethe-Institut - à formação de professores de alemão. Motivado pelo seu próprio amor à música, o senhor promove, com grande sucesso, artistas clássicos da Alemanha para apresentações em Ribeirão Preto e em São Paulo, buscando patrocínios para esses eventos. Esse engajamento não é algo óbvio na função de Cônsul Honorário, isso eu gostaria de deixar bem claro aqui novamente!

Além disso, o senhor também foi um parceiro com o qual podíamos contar em diversas visitas de delegações alemãs - incluindo delegações ministeriais. No geral, a cooperação do Consulado Geral com o senhor, Sr. Schallenmüller, na função de Cônsul Honorário, foi sempre muito agradável e bem sucedida. Por isso, gostaria de transmitir novamente o meu muito obrigado, também em nome dos meus colaboradores de São Paulo. Devido a esta boa e confiável cooperação, estamos muito satisfeitos com o fato de o senhor ter concordado em atuar por mais dois anos, mesmo depois de ter alcançado a idade para aposentadoria, como Cônsul Honorário. Assim nós podemos contar com o senhor por mais algum tempo.

 

Caro Cônsul Honorário Schallenmüller,

penso que, através das minhas palavras, tenha ficado claro o quanto o senhor colaborou para os interesses da República Federal da Alemanha e para as relações alemãs-brasileiras em sua área de jurisdição. Esses longos anos de dedicação merecem um reconhecimento adequado. Assim, é com grande alegria que entrego ao senhor a Cruz de Cavaleiro da Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha. E agora tenho o prazer de ler para o senhor o certificado de condecoração:

 

CERTIFICADO DE CONDECORAÇÃO

 

EM RECONHECIMENTO AOS

MÉRITOS ESPECIAIS

CONQUISTADOS JUNTO AO POVO E AO ESTADO

CONDECORO

 

O Senhor RUDOLF SCHALLENMÜLLER

CÔNSUL HONORÁRIO DA REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA,

 

COM A CRUZ DE CAVALEIRO

DA ORDEM DO MÉRITO

DA REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA.

 

BERLIM, 11 DE JULHO DE 2014

 

 

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA

FEDERAL DA ALEMANHA

JOACHIM GAUCK

 

Nesse sentido, muito obrigado por seu incansável engajamento, parabéns e, pelo menos para os próximos dois anos, o meu expresso “continue assim”!